controle

Você termina comigo. Eu corro atrás. Nós brigamos. Você decide nunca mais falar comigo. Você some. Eu desapareço. Você manda um e-mail. Eu te procuro. Nós brigamos. Você decide nunca mais falar comigo. Você some. Eu desapareço. Eu mando um e-mail. Conversamos. Brigamos. Decidimos nunca mais falar um com o outro. Você some. Eu desapareço. Você manda um e-mail. E tudo continua como das outras vezes.

Eu só posso acreditar que você precisa disso. Você precisa que eu brigue com você para justificar o fato de ter terminado comigo. Assim você pode pensar repetidas vezes “Ela não vale a pena”. E então fica feliz e satisfeito em saber que terminou comigo porque realmente não poderia dar certo – eu não vou mudar e nem você. Sério? E eu é que faço terapia.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s