brasil

Um conhecido postou um texto no Facebook sobre uma conversa que teve com uma estadunidense num voo Vitoria x São Paulo. Estava se sentindo mal devido a alguns questionamentos feitos por ela em relação a este país, no qual habito. Dizia ele que perguntas, como as que seguem, são de difícil resposta. Vou responder uma a uma de acordo com meu ponto de vista, porque acho que todas têm resposta simples.

Por que vocês deixam de trabalhar tantos dias (feriados, férias, enforcamentos) se o país não vai bem?
Primeiro, em nossa cultura, dias santos são dias de descanso. Nossa população é majoritariamente cristã – isso é um fato. Independentemente do Estado ser laico, essas datas são importantes para a maior parte da população. Além disso, nosso clima é tropical. As altas temperaturas tornam as condições de trabalho inviáveis para algumas profissões. Acho, inclusive, que os horários de trabalho de muitas delas deveriam ser revistos.

Por que tanta festa e alegria o tempo todo se têm tantos problemas?
Por que tanta tristeza o tempo todo já que temos tantos problemas? Os problemas já estão aí, ficar num canto choramingando não faz o problema ir embora. Quem trabalha feliz, trabalha melhor. As festas e a alegria definitivamente não são causadoras dos problemas que vivemos. Pelo contrário, são conforto e ajudam a seguir em frente.

Por que tantos crimes e pouca punição?
Porque vivemos num país corrupto. Não é privilégio brasileiro viver em país corrupto. São pessoas corruptas que criam leis e são corruptas as pessoas que julgam criminosos. É quase que óbvio que haverá pouca punição nesse contexto.

Por que tanta corrupção?
Não sei responder se somos corruptos, porque somos pobres; ou se somos pobres, porque somos corruptos. Não dá para argumentar se quem veio antes foi o ovo ou a galinha, mas sabemos que a galinha nasceu de um ovo e é ela quem põe outros por aí. A verdade é que existe mais corrupção em países pobres. O que não significa que não haja corrupção em países ricos. O poder faz coisas com as pessoas – e a corrupção também.

Por que carros tão caros?
Porque pagamos muitos impostos. Porque nossa moeda tem pouco valor no mercado externo. Porque vivemos num país corrupto. Porque é caro produzir um bem num país em que se paga muito imposto, assim como é caro vendê-lo nessas mesmas condições.

Por que impostos tão absurdamente altos?
Porque somos corruptos. Como há muito desvio de dinheiro, o povo paga caro. E pagamos caro com impostos altíssimos. Nada mais justo, não?

Por que políticos que ganham tão bem e que são tão corruptos?
Eu tenho certeza de que a resposta está na pergunta. Mas, simplificando, porque são os próprios políticos corruptos que votam o próprio salário.

Esse país de vocês é lindo e poderia se facilmente o primeiro em tudo no mundo. Por que não se revoltam?
Porque ainda temos fresco na nossa memória a reação da polícia na época da ditadura militar. Não só está fresco na memória da população civil, como está também na memória da polícia. E a polícia acaba por repetir ações agressivas, porque é assim que a polícia aprendeu a trazer ordem. Não nos revoltamos de maneira mais drástica, porque as pessoas que chamam o povo para a rua podem também ser corruptas. Não sabemos o que seguimos, não sabemos no que acreditar. Pior, temos grande parcela da população ainda analfabeta ou com pouco estudo – parcela essa que não sabe nem o que reivindicar. Aliás, nem a fração de população com estudo sabe o que fazer. Temos ideias absurdamente opostas em um nicho muito pequeno da sociedade brasileira. É mais comum nos revoltarmos uns contra os outros, porque não sabemos lidar com opiniões distintas. De qualquer forma, existem aquelas pessoas que acham que a vida é assim mesmo, porque é a que deus ofereceu…

Advertisements