família tradicional brasileira

Hoje cedo, ao iniciar minha rotina, peguei o celular para checar as mensagens recebidas durante a madrugada. Me surpreendi com uma mensagem recebida num grupo do WhatsApp. Seguem os prints que dei na tela.

01 02

Seres humanos são dotados de sapiência. Homo sapiens. Para quem não conhece o significado:

sa.pi.ên.cia
sf (lat sapientia) 1 Qualidade de sapiente. 2 Sabedoria, erudição. 3 Sabedoria divina. 4 Por antonomásia, o Verbo de Deus. Vossa sapiência: maneira irônica de tratar quem presume de sábio, sem o ser.

Retirado do dicionário Michaelis no site da UOL.

Basicamente, somos homens sabidos. Ou deveríamos ser.

Estou com dificuldade em escrever esse texto, porque o tema me irrita. Me irrita, porque eu realmente acho um absurdo, em 2015, discutir a vida das pessoas. Me irrita, porque eu acho que pessoas felizes não se preocupam com a vida dos outros. Posso concluir, então, que todos que são contra a formação de famílias não tradicionais são infelizes? Acho que seria muito cruel da minha parte.

Eu é que não consigo ficar feliz diante dessa realidade. Não consigo ficar feliz sabendo que existem milhares de criancinhas abandonadas em orfanatos porque a mãe não teve o direito de fazer um aborto (tema para outro dia) e que não poderão ser adotadas por casais que não podem gerar seus próprios filhos, mas que estão nessa vida para dar amor. Não consigo ficar feliz sabendo que existe um grupo da sociedade, que tem direitos, querendo que uma outra parcela, minoria ou não, não tenha os mesmos direitos.

O que essas pessoas pensam? Será que essas pessoas realmente acreditam que dar direitos a LGBTs é o mesmo que tirar direitos de heterossexuais? Ora, até onde eu sei, todo casal heterossexual sempre teve direito estabelecido por lei para constituir sua própria família. Nunca ouvi dizer que LGTBs tivessem a intenção de destruir esse modelo de família. Aliás, nunca nem li nada a esse respeito.

Será que essas pessoas pensam que ser gay é obrigatório? Chego a rir só de pensar numa coisa dessas. Será que essas pessoas acreditam que se os filhos deles tiverem colegas de classe com duas mães – ou dois pais – os filhos deles tornar-se-ão gays? Isso é tão absurdo. Se fosse por essa lógica, todos os cidadãos deste planeta deveriam ser heterossexuais, afinal, todos se originaram de uma união homem-mulher.

Ou será que essas pessoas acreditam que homossexualidade é desvio de caráter? Tenho vontade de fazer as seguintes perguntas: O que uma pessoa gay fez contra você? Alguma pessoa gay te ofendeu pelo simples fato de ser gay? Como se dá essa ofensa? Amar outro ser humano é algo ruim? Onde você aprendeu – ou quem te ensinou – que LGBTs são seres perversos?

Bom, a votação está de fato acontecendo. Cliquem aqui para manifestar a opinião de vocês. Se você é uma pessoa que tem amor ao próximo, permita que a população LGBT tenha o mesmo direito que a população heterossexual. Consideramos justa [quase] toda forma de amor.

Advertisements

One thought on “família tradicional brasileira

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s